Acusado de invadir 500 mil perfis do Facebook se entrega ao FBI

Criminoso conhecido como “rei do spam” já havia sido banido do Facebook anteriormente.

O spammer Sanford Wallace, de 43 anos, conhecido nos Estados Unidos como “rei do spam”, se entregou às autoridades americanas de Las Vegas na última quinta-feira (4) após ser indiciado por 11 crimes. O acusado teria enviado mais de 27 milhões de mensagens não solicitadas para usuários do Facebook.

O suspeito criou um programa para burlar o sistema anti-spam do Facebook, capaz de roubar diversos dados de contas dos usuários atacados. Para que os dados pudessem ser expostos, o spammer enviava diversas mensagens encorajando os internautas a clicarem no link. Ao clicar, o usuário era redirecionado a uma página falsa de login do Facebook, onde deveria inserir o nome de usuário e a senha. Em seguida, o programa poderia capturar as credenciais, além da lista de contatos da vítima, que mais tarde também viraria alvo de ataques.

A técnica, já bastante comum, é chamada de phishing, e depende apenas da ingenuidade das vítimas para ter êxito. Segundo procuradores federais norte-americanos, mais de 500 mil usuários foram atingidos entre novembro de 2008 e março de 2009.

“Nós aplaudimos os esforços da Procuradoria dos Estados Unidos e do FBI para trazer spammers à justiça. Agora Wallace também enfrenta pena de prisão grave para esta conduta ilegal. Continuaremos a buscar e apoiar conseqüências civis e criminais para spammers ou outros que tentarem prejudicar o Facebook ou as pessoas que usam os nossos serviços”, disse o Facebook em um comunicado.
Segundo processo

Wallace está passando pelo seu primeiro processo criminal, embora já tenha sido processado pelo Facebook em 2009. Na ocasião, ele foi proibido de acessar a rede social, além de ser condenado a pagar uma multa de US$ 711 milhões.

O suspeito está sendo submetido a 11 acusações, que vão desde fraude até desacato à autoridade por não ter respeitado a ordem judicial de não poder mais acessar o Facebook. Segundo as investigações, Wallace acessou sua nova conta durante um vôo para Nova York, em abril de 2009. Ele já havia criado um novo perfil com o nome de usuário David Fredericks.

O spammer foi liberado após pagar uma fiança de US$ 100 mil. Sua próxima audiência está marcada para o dia 22 de agosto, na Califórnia. Se for condenado, sua pena pode chegar a 16 anos de prisão.

Mais uma vez, Wallace foi proibido de acessar o Facebook.

 

Por Linha Defensiva – Publicado em 05/08/2011

http://www.linhadefensiva.org/2011/08/acusado-de-invadir-500-mil-perfis-do-facebook-se-entrega-ao-fbi/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s