AOL, Microsoft e Yahoo firmam parceria publicitária

A ideia é aumentar a margem de lucro das três empresas, mesmo continuando com competição agressiva por anunciantes.

A AOL, Microsoft e Yahoo firmaram parceria para integrar suas plataformas de publicidade online. Com o acordo, as empresas poderão vender anúncios umas às outras.

A ideia é aumentar as margens de lucro das três empresas tornando o processo de compra e venda de anúncios mais simples e conveniente para comerciantes e produtores de conteúdo.

O acordo deve entrar em vigor no começo de 2012 nos Estados Unidos, quando as empresas já tiverem integrado seus sistemas de anúncios, Yahoo Network Plus, Advertising.com (AOL) e Microsoft Media Network. A parceria do Yahoo com a AOL também vale para o Canadá.

“É difícil argumentar contra os benefícios da escolha agregada, o aumento de escala e a maior transparência que este negócio vai proporcionar”, disse o vice-presidente corporativo do Grupo de Propaganda da Microsoft, Rik van der Kooi.

O Advertising.com da AOL já tem parcerias com o Yahoo e a Microsoft, mas essa iniciativa aprofunda mais essas relações, declarou o diretor de receita da AOL, Ned Brody,

Visivelmente de fora da parceria, a Google e o Facebook, são as empresas que mais tem crescido no mercado de publicidade online, enquanto a AOL, o Yahoo e a Microsoft historicamente foram as principais empresas do setor quando os portais lideravam a publicidade digital.

No entanto, os anúncios em busca online, mercado dominado pelo Google, tem representado o maior segmento de publicidade na internet há vários anos, e AOL, Yahoo e Microsoft têm se esforçado para competir. O Yahoo e a Microsoft têm uma parceria nesse setor, mas ela não está rendendo os resultados esperados.

Além disso, este ano o Yahoo teve problemas em seu tradicionalmente forte no mercado de anúncios online nos EUA, e a AOL nos últimos anos não conseguiu manter as taxas de crescimento da indústria.

Questionados quanto a possível participação do Facebook e da Google na parceria, os porta-vozes das empresas sugeriram as companhias não têm inventário de “alta qualidade” para se encaixarem.

As três empresas disseram que vão continuar a competir agressivamente por anunciantes e produtores de conteúdo, e, portanto, não esperam que órgãos reguladores de mercado acusem a parceria de afetar o direito de livre concorrência.

 

Por IDG Now! – Publicado em 10/11/2011

http://idgnow.uol.com.br/mercado/2011/11/10/aol-microsoft-e-yahoo-firmam-parceria-publicitaria/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s