Ministério Público do Egito quer censurar sites de pornografia

Ministro disse que o governo deve tomar medidas para acabar com o segmento no país.

O Ministério Público do Egito ordenou que o governo tome medidas para bloquear sites com conteúdo adulto no país, em um passo que preocupa entidades que defendem a liberdade individual.

Abdel Maguid Mahmoud, o ministro, se baseou em uma decisão judicial de 2009 que clamava pela restrição da “liberdade de expressão e direitos públicos” para manutenção “dos fundamentos da religião, moralidade e patriotismo”.

A Electronic Frontier Foundation se manifestou sobre o assunto afirmando que vozes liberais temem o começo de um amplo ataque aos direitos dos cidadãos locais.

Enquanto isso, segundo noticia o The Verge, o ministro das Telecomunicações, Hany Mahmoud, adotou um tom mais sereno ao dizer que seria “tecnicamente difícil” implementar uma proibição geral; seria mais adequado aumentar a conscienticação dos jovens.

 

Por Olhar Digital – Publicado em 08/11/2012

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s